Conceito
Adelmir Santana
Brasília atemorizada
14/08/2017
Bras√≠lia est√° assustada. O assassinato de Maria Vanessa Veiga Esteves, servidora do Minist√©rio da Cultura, exp√Ķe uma das faces mais intimidadoras da viol√™ncia: a sua banaliza√ß√£o. A mineira que veio para a capital federal com medo da criminalidade morreu a poucos quil√īmetros do gabinete do presidente da Rep√ļblica, em uma das quadras mais movimentadas da Asa Norte, com a maior quantidade de bares. Foi morta com uma facada nas costas, golpeada por um jovem de 15 anos que, conforme o relato, n√£o se importou com os supl√≠cios da v√≠tima.

Cometeram um latroc√≠nio. Para a sociedade, cometeram um crime hediondo. Hoje, ningu√©m est√° a salvo, em nenhum lugar. √Č isso que os criminosos deixaram claro, ao ridicularizarem as pol√≠ticas de seguran√ßa. Perceba-se que, na mesma quadra, na noite anterior, um comerciante sofreu uma tentativa de assalto e fez o alerta para pol√≠cia, que n√£o chegou a enviar uma viatura ao local. Mais espantoso ainda √© que a mesma pol√≠cia j√° havia detido o autor do latroc√≠nio em outros epis√≥dios. Isso denota a absoluta fal√™ncia das estrat√©gias de combate ao crime. Em um momento, falta repress√£o. Em outro, quando a repress√£o √© bem-sucedida, os criminosos se livram por falhas da Justi√ßa. Estamos enxugando gelo. S√≥ que enquanto as autoridades assistem ao Brasil derreter, os comerciantes, a popula√ß√£o em geral, est√° atr√°s das grades. Nas ruas est√£o os bandidos, que matam por matar, seja onde for. Infelizmente, Maria Vanessa n√£o conseguiu fugir da viol√™ncia quando veio para Bras√≠lia. Ser√° que algum de n√≥s conseguir√°?
Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO