Conceito
Adelmir Santana
Velhas pr√°ticas
19/06/2017
A opera√ß√£o Lava Jato t√™m revelado o jeito sujo de se fazer pol√≠tica no Brasil. Ficou escancarado para a popula√ß√£o como o uso de caixa dois era uma constante nas campanhas eleitorais majorit√°rias, como muitos partidos distribu√≠am essas propinas, como se dava a compra de votos e at√© como se estabeleciam as rela√ß√Ķes criminosas entre empreiteiros e agentes p√ļblicos. Essa maneira de fazer pol√≠tica se enraizou no Pa√≠s devido ao clientelismo, praticado por pol√≠ticos preocupados em trocar favores para alcan√ßar, obter ou se firmar no Poder.

√Č uma forma velha de se fazer pol√≠tica. √Č um crime contra a na√ß√£o na medida em que dilapida o Estado. N√£o podemos mais aceitar que um governo, qualquer que seja, utilize um minist√©rio ou uma secretaria como cabide de emprego para compensar o apoio de determinado partido. N√£o faz sentido que o PSDB, por exemplo, insista em seguir com uma a√ß√£o contra o presidente da Rep√ļblica ao mesmo tempo em que se recusa a sair da base. √Č puro fisiologismo. Soa igualmente contradit√≥rio que, no plano local, o PR tenha ao mesmo tempo um deputado distrital que √© ‚Äúl√≠der de governo‚ÄĚ e outro que √© de oposi√ß√£o.

Temos que exigir o fim desse modelo f√©rtil para corrup√ß√£o e praticar a verdadeira pol√≠tica, compromissada com o interesse p√ļblico. Essa pol√≠tica n√≥s podemos exercer no dia a dia ou cobrando dos governantes uma mudan√ßa. Fazer pol√≠tica para servir ao p√ļblico √© algo digno e honroso. O que n√£o podemos aceitar, nem agora e nem no futuro, √© a continuidade da velha pol√≠tica.

Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO