Espaço Aberto
Edson de Castro
Comércio de portas abertas
31/10/2017
?A semana começa com o Halloween que vai movimentar armarinhos e outros tipos de comércio no Distrito Federal e nos estados.Comemorado nesta terça-feira, 31 de outubro, o Dia das Bruxas no Brasil é um derivado do Halloween americano.

Lá como cá, a data é festejada principalmente por crianças, que se vestem com fantasias de bruxas, vampiros, fantasmas e os mais diversos tipos de monstros. Não faltam máscaras.

No fim do dia, em diversas localidades, crianças batem à porta dos vizinhos pedindo doces, com o famoso bordão “gostosuras ou travessuras”. 

Na quinta-feira próxima, feriado pelo dia de finados, o comércio vai abrir em todo o DF porque há a necessidade de se gerar empregos e renda. 

O mesmo ocorrerá no dia 15 de novembro – Proclamação da República – e em 30 de novembro, dia do evangélico. Ambas as datas cairão numa quinta-feira. E o comércio estará aberto.

Na verdade, comerciantes do varejo e consumidores já estão com o pensamento voltado para o natal. E não pode ser diferente. Afinal, é a melhor data do ano em termos de consumo, vendas e empregos. 

Este ano, com a queda da inflação e dos juros ao consumidor e com a alta do Produto Interno Bruto – a soma de todas as riquezas produzidas no país – estima-se que o faturamento do comércio deve crescer entre 5% e 6%.

No entanto, segmentos mais populares – como roupas, perfumes e calçados – podem registrar expansão de até 8%. Na prática, no comércio do Distrito Federal muitas lojas já estão facilitando as compras para o fim de ano, dilatando as formas de pagamento. 

Você, leitor, compra hoje para começar a pagar em dezembro, principalmente, se utilizar o cartão de crédito.

A pedido do Sindicato do Comércio Varejista do DF, os horários do Metrô serão prolongados em dezembro até 22 horas para facilitar o deslocamento de consumidores não motorizados e de funcionários de shoppings, cujas lojas fecham mais tarde.

Espera-se que o Governo do DF decore a Esplanada dos Ministérios com ornamentos que lembrem o Natal, o que irá motivar os consumidores. 

Pesquisa fechada há cinco dias detectou que o maior sonho de muitos brasileiros é ganhar de Natal um telefone celular de última geração. Não é barato, mas não custa sonhar. Afinal, o Natal é também a realização de sonhos de consumo. 
Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO