Espaço Aberto
Edson de Castro
Cuidado com os juros
17/04/2018
Os bancos vão oferecer aos clientes de cheque especial opção de parcelamento da dívida, com juros mais baixos. A medida entra em vigor em julho e foi tomada pela diretoria da Febraban – Federação Brasileira dos Bancos. Cada banco definirá a taxa de juros a ser cobrada.

O consumidor deve ser cauteloso porque o cheque especial, usado por milhares de pessoas, tem taxas salgadas. Mais de 342% ao ano, dependendo do banco do qual o consumidor é cliente. A taxa média do crédito livre para as famílias é de 57% ao ano.

Os bancos pretendem oferecer a nova medida de parcelamento principalmente a quem consome 15% do limite do cheque durante 30 dias consecutivos.

Quem vai às compras deve tomar certas medidas para comprar mais gastando menos. Uma delas é pagar sempre à vista porque neste caso as lojas, em sua maioria, concedem 5% de desconto, caso o pagamento seja feito em dinheiro.

Deve-se evitar os juros dos cartões de crédito, hoje na faixa de 223,8% ao ano. Esse percentual, em 2017, bateu a casa dos 440% ao ano e foi um tormento para milhares de brasileiros.

Caso o pagamento seja feito em dinheiro, o desconto ao cliente pode chegar aos 8%, a depender da negociação e da capacidade de diálogo. 

Notadamente em meses de datas especiais (dia das mães, dia dos namorados, dia dos pais, dia da criança e natal), grande parte do comércio costuma dar descontos mais generosos porque às lojas interessa vender sempre mais, o que gera empregos e renda.

Agora mesmo, com a aproximação do dia das mães, 13 de maio, o comércio de rua e de shoppings do Distrito Federal já está decorado, motivando o consumidor a comprar.

Pesquisa do Sindivarejista indica que roupas, calçados e objetos para o lar serão os presentes mais procurados, mas o setor de televisores, por força da Copa do Mundo que começa em junho, pode surpreender com uma expansão de até 10% nas vendas em todo o país, principalmente em Brasília, com uma das melhores rendas per capita do Brasil.

O detalhe é que os modelos mais modernos – LCD – são os mais caros e mais procurados. Sinal de que o consumidor sabe o que quer.

Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO