ONs e OFFs
Sandro Gianelli
ONs e OFFs
24/09/2018
p.p1 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'; color: #65a0dc} p.p2 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'; color: #65a0dc; min-height: 15.0px} p.p3 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'; color: #ff2600} p.p4 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'; color: #ff2600; min-height: 15.0px} p.p5 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'; color: #a1d562} p.p6 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'; color: #a1d562; min-height: 15.0px} p.p7 {margin: 0.0px 0.0px 6.0px 0.0px; font: 12.0px 'Times New Roman'}


Creches

A construção de creches passou a ser um dos temas mais debatidos entre os candidatos à Presidência da República e ao Governo do Distrito Federal. O candidato à Presidência, Henrique Meirelles (MDB), tem defendido a criação de um programa de bolsas para creches, que chamou de "Prouni para creches".


Tá falado

“Com o programa pró-criança, nós vamos dar oportunidade para aquela mãe que hoje precisa trabalhar e não tem com quem deixar a criança, ela pode deixar a criança numa creche particular, com o pagamento feito pelo Prouni para creches”, declarou Henrique Meirelles (MDB).


Exemplo em Ceilândia

No DF, a deputada distrital Luzia de Paula (PSB) é uma defensora do acesso das crianças as creches há mais de 3 décadas. Luzia fundou o Centro Comunitário da Criança, em Ceilândia. A instituição atende centenas de crianças, sem custo para as famílias e possui três unidades em funcionamento e uma pronta para iniciar as atividades. Luzia é candidata a reeleição.


1 milhão de crimes

O Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal (Sinpol-DF) distribuiu um informativo na Rodoviária do Plano Piloto afirmando que o DF atingiu a marca de 1 milhão de crimes nos últimos quatro anos. Nesse período, um em cada três brasilienses foi vítima da violência.


Comparativo

O informativo apresentou uma comparação entre os períodos de 2011 a 2014 e 2015 a 2018. Em relação aos crimes de roubo a pedestres foram 83.966 casos no primeiro período, contra 135.549 no segundo, um aumento de 61,14%. Roubo a transporte coletivos foram 6.471 contra 10.063, um acréscimo de 55,52%. Crimes contra o patrimônio foram 176.396 ocorrências contra 249.528, crescimento de 41,14%.


Urna eletrônica

A Coligação "O Povo Feliz de Novo" (PT/PCdoB e PROS) pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) direito de resposta e de retirada da internet de um vídeo do candidato do PSL à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL). No vídeo ele fez várias críticas às urnas eletrônicas.


Pedido negado

O ministro do TSE, Carlos Horbach, negou os pedidos. Para o ministro, embora as declarações de Bolsonaro sejam questionáveis, elas refletem o pensamento de grupos sociais que são contrários ao avanço tecnológico das urnas.


ENTREVISTA


"Nós brasileiros já estamos fartos de tanta corrupção", disse Paula Belmonte


A candidata a deputada federal Paula Belmonte (PPS) foi a entrevistada da Coluna On´s e Off´s de hoje. Paula é empresária, casada e mãe de seis filhos. Ele afirmou que "não dá mais para acompanhar tudo que vem acontecendo, tanto descaso com o bem coletivo, com o dinheiro do povo, sem fazer nada". Confira um resumo das declarações.


Como entrou na política?

Após um fato que aconteceu na nossa família, decidimos, meu marido e eu, abrir uma instituição para atender crianças carentes no Sol Nascente, em Ceilândia. Lá pude ver que o problema é muito maior do que aparentava. Crianças em situação de abandono, levadas pelas drogas e pela criminalidade, sem perspectivas de futuro.


Quais propostas você pretende defender na Câmara Federal?

Temos no Distrito Federal um déficit de, pelo menos, 23 mil vagas de creches. São 23 mil famílias com renda menor porque a mulher não pode trabalhar - ou não consegue emprego - porque não tem onde deixar o filho. E uma mulher sem trabalho é uma mulher sem autonomia financeira e, muitas vezes, com baixa autoestima. É aí que nascem os casos de dependência e de violência doméstica.


Se você for eleita, qual será a principal linha de defesa do seu mandato?

Vou trabalhar pela educação, principalmente na primeira infância. Lutar pela ampliação do número de creches no DF. Quero destinar pelo menos 50% das minhas emendas parlamentares para a área. Além de fiscalizar a aplicação dos recursos públicos e o corte de privilégios. De antemão aviso que vou abrir mão dos privilégios políticos.


Como superar o distanciamento do eleitor nesta eleição?

Também sou uma indignada com a política que vem sendo feita no Brasil. Por isso estou aqui, disposta a contribuir para mudar esse jogo. Clamo as pessoas a apostarem na renovação, a não elegerem quem está ligado às velhas práticas da política, seja por já fazer parte dela ou por ser parente de quem faz.


ENTORNO

Pesquisa Ibope


O Ibope realizou o segundo levantamento para o governo de Goiás. A pesquisa foi encomendada pela TV Anhanguera e foi registrada tanto no TRE: GO-09015/2018, quanto no TSE: BR-09138/2018. A pesquisa foi divulgada na sexta-feira (21).


Pesquisa Ibope 2

A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Foram ouvidos 812 eleitores com 16 anos ou mais, entre os dias 18 e 20 de setembro. O nível de confiança utilizado é de 95%. 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado


Caiado lidera

O Senador Ronaldo Caiado (DEM) lidera com 47% das intenções de voto, seguido pelo governador Zé Eliton (PSDB) com 13%. O deputado federal Daniel Vilela (MDB) tem 12%. Kátia Maria (PT) esta com 5%. Alda Lucia (PCO), Marcelo Lira (PCB) e Weslei Garcia (PSOL) estão empatados com 1% cada. Brancos e nulos somam 13% e não sabem são 8%.

Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO