Banco Mundial aprova aumento de capital de US$ 13 bilhões
Letícia Fucuchima
São Paulo
21/04/2018 19h55
O Comitê de Desenvolvimento do Banco Mundial aprovou hoje um aumento de capital de US$ 13 bilhões para a instituição. Na avaliação do presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, a ação demonstra "confiança renovada na cooperação global".

Em declaração mais cedo, o secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin, indicou que a administração Trump tinha passado a apoiar a ampliação de capital do Banco. "Há reformas que eles estão fazendo que nós acreditamos que são significativas junto com o pedido de aumento de capital", disse.

A fala de Mnuchin revelou uma mudança de postura por parte do governo norte-americano, que vinha se mostrando cético em relação a instituições multilaterais. Os EUA são o único país com poder de veto sobre qualquer mudança na estrutura do Banco Mundial, de forma que o aumento de capital não se concretizaria sem o apoio de Washington.

Em parte, essa mudança de reflete o desejo, por parte do governo norte-americano, de que o Banco Mundial faça um contrapeso maior ao financiamento chinês, que tem crescido rapidamente.

AE
Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO