C. do Norte ameaça encerrar conversas a menos que C. do Sul mude comportamento
17/05/2018 10h26
A Coreia do Norte criticou nesta quinta-feira a Coreia do Sul, advertindo que encerraria definidamente as conversas intercoreanas, a menos que Seul fizesse concess√Ķes em rela√ß√£o aos exerc√≠cios militares realizados com os EUA e em cr√≠ticas p√ļblicas √†s tentativas de di√°logo com o Norte.

Em um ataque ao governo do presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, a Coreia do Norte chamou o governo de "um grupo ignorante e incompetente desprovido do senso elementar da situa√ß√£o atual". A mais recente cr√≠tica do Norte acrescenta mais incerteza √† sua disposi√ß√£o de sustentar um degelo nas rela√ß√Ķes com Washington e Seul, em meio aos planos para uma reuni√£o de c√ļpula no pr√≥ximo m√™s entre o presidente americano, Donald Trump, e o l√≠der norte-coreano Kim Jong-un.

Em um comunicado publicado nesta quinta-feira e atribu√≠do a Ri Son Gwon, uma autoridade do alto escal√£o da Coreia do Norte que supervisiona as rela√ß√Ķes intercoreanas, o Norte pareceu dobrar suas queixas contra Washington e Seul.

No comunicado, Ri criticou os exerc√≠cios conjuntos da for√ßa a√©rea sul-coreana que considerou uma provoca√ß√£o, e sugeriu que Seul silenciasse cr√≠ticas de Thae Yong Ho, proeminente desertor norte-coreano que lan√ßou d√ļvidas sobre as inten√ß√Ķes de Pyongyang.

"A menos que a grave situa√ß√£o que levou √† suspens√£o das negocia√ß√Ķes de alto n√≠vel entre o Norte e o Sul esteja resolvida, nunca ser√° f√°cil sentar-se cara a cara novamente com o atual regime da Coreia do Sul", disse Ri. Fonte: Dow Jones Newswires.

AE
Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO