Canadá diz que irá levar adiante luta contra tarifa dos EUA à madeira canadense
14/11/2017 23h30
O Canadá afirmou nesta terça-feira que pretende levar adiante a luta legal contra a decisão do Departamento de Comércio dos Estados Unidos de impor taxas de cerca de 20% ou mais sobre as importações de madeira canadense.

O governo canadense notificou o painel de resolução de conflitos nos termos disponíveis no Tratado de Livre Comércio da América do Norte (Nafta, na sigla em inglês). Esses painéis têm o poder de revogar ou manter as tarifas impostas pelos EUA, Canadá ou México em produtos de um dos parceiros do Nafta.

O governo do presidente dos EUA, Donald Trump, deseja revogar o sistema de solução de conflitos na renegociação do Nafta, cuja sexta rodada terá início nesta quarta-feira no México. O Canadá repetidamente disse que deseja a permanência do painel, visto que ele é uma ferramenta crucial para que as empresas canadenses continuem a lutar contra o que consideram tarifas injustas.

A ministra de Relações Exteriores canadense, Chrystia Freeland, disse que a decisão dos EUA de impor direitos contra as importações de madeira canadense é "injusta, injustificada e profundamente preocupante". Ele acrescentou que o Canadá irá defender "vigorosamente" sua indústria madeireira de todas as maneiras. Fonte: Dow Jones Newswires.

AE
Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO