Ninguém ganha com uma guerra comercial, diz FMI
Ricardo Leopoldo
12/07/2018 13h45
Ao comentar sobre a nova rodada de disputas comerciais entre EUA e China, com o plano de Washington de impor tarifas de 10% sobre mais US$ 200 bilh√Ķes em mercadorias importadas do pa√≠s asi√°tico, o diretor de Comunica√ß√Ķes do Fundo Monet√°rio Internacional, Gerry Rice, afirmou que a diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, tem dito v√°rias vezes que "encorajamos todos a trabalhar de forma construtiva, reduzir barreiras comerciais" e com o di√°logo resolver quest√Ķes extraordin√°rias entre as partes envolvidas. "Madame Lagarde tem destacado que ningu√©m ganha com uma guerra comercial", apontou.

Em rela√ß√£o √† Gr√©cia, o diretor do FMI apontou que o Comit√™ Executivo do Fundo deve realizar no dia 27 de julho a avalia√ß√£o macroecon√īmica do pa√≠s no √Ęmbito do Cap√≠tulo 4, cujo comunicado deve ser publicado alguns dias depois.

H√° quase um m√™s, ministros das Finan√ßas da zona do euro definiram que a Gr√©cia ter√° mais dez anos para pagar um montante pr√≥ximo a 100 bilh√Ķes de euros de financiamentos, quase 50% dos empr√©stimos liberados por pa√≠ses da regi√£o a Atenas desde 2010.

De acordo com Rice, no curto prazo o Fundo espera que o "envolvimento do FMI com a Gr√©cia pa√≠s dever√° ser similar como ocorre com outras na√ß√Ķes europeias", com um trabalho de supervis√£o coordenado com o realizado com o mesmo prop√≥sito por autoridades do velho continente. "Atuaremos com um programa de p√≥s-monitoramento" econ√īmico, ressaltou o diretor do FMI.

AE
Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO