Sindicalistas e servidores acusam GDF de assédio moral
Foto: Divulgação
21/08/2017 07h44

A Câmara Legislativa promoveu uma comissão geral com representantes de sindicatos e órgãos distritais para debater denúncias de assédio praticado pelo Governo do Distrito Federal.
Segundo os participantes do debate, o assédio moral tornou-se prática comum à atual gestão de Rollemberg e a política da perseguição é constante. Raimundo Ribeiro (PPS), Celina Leão (PPS), Wellington Luiz (PMDB) e Robério Negreiros (PSDB) foram os parlamentares responsáveis pela discussão na CLDF.

Representantes do Sindágua informaram que além da perseguição contra o sindicato, todos os funcionários da Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb) também sofrem com ataques massivos de assédio, desde que se posicionaram contra a proposta de privatização da companhia.

Para os deputados que se solidarizaram com os servidores, esta prática é criminosa e que já existem representações no Ministério Público e no Tribunal de Contas do Distrito Federal contra medidas tomadas por Rodrigo Rollemberg.

Comentários

Carregando notícias...
COPYRIGHT © - PORTAL ALÔ - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
ANUNCIE | FALE CONOSCO | COMERCIAL | EXPEDIENTE | TRABALHE CONOSCO